Não gosta de vegetais? Veja estratégias para conseguir consumi-los com mais frequência

Não é novidade que incluir mais vegetais na dieta previne doenças e melhora a qualidade de vida. O que não faltam são pesquisas científicas comprovando os benefícios desses alimentos para a saúde. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), a recomendação é consumir no mínimo 400 g de frutas e legumes, o que equivale a cinco porções por dia, para prevenir doenças crônicas como câncer, diabetes e cardiovasculares. Além disso, esse hábito diminui a deficiência de nutrientes importantes.

Mas, algumas pessoas ainda apresentam grande resistência em consumir mais verduras, vegetais folhosos e legumes. Há quem reclame do sabor amargo acentuado de alguns tipos de verduras, como rúcula ou almeirão. Já outros dizem não terem tempo para preparar ou não se sentem atraídos por esses alimentos refogados ou servidos crus em saladas com pouco tempero.

É importante buscar estratégias criativas para aumentar o consumo desses vegetais. Além da quantidade, é necessário variar nos alimentos e ingerir verduras, legumes e frutas de cores distintas e obter os nutrientes que o corpo necessita. Entretanto, evite os vegetais empanados e fritos em imersão, pois essas formas de preparo pioram muito a qualidade nutricional desses alimentos.

  • Varie nas saladas
  • Recheie sanduíches com os vegetais
  • Consuma mais sopas feitas com verduras
  • Faça omeletes
  • Aposte no suco verde
  • Use verduras para refogar seus alimentos e nos molhos

(Fonte: UOL)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.